de Emanuel A.

de Emanuel A.

December 11, 2013   3 notes
de Bernardo C.

de Bernardo C.

November 28, 2013   14 notes
de Emanuel A., com a ajuda de um anónimo da selecção

de Emanuel A., com a ajuda de um anónimo da selecção

November 20, 2013   24 notes
de Emanuel A.

de Emanuel A.

November 12, 2013   12 notes
ideia original de Bernardo C., execução de Amílcar R.

ideia original de Bernardo C., execução de Amílcar R.

September 19, 2013   9 notes
ideia original de Emanuel A., execução de Amílcar R.

ideia original de Emanuel A., execução de Amílcar R.

September 19, 2013   3 notes
de Emanuel A., com execução de Amílcar R.

de Emanuel A., com execução de Amílcar R.

September 9, 2013   8 notes
Pedras no meu caminho? Guardo todas, um dia vou construir um eleitorado.por Amílcar R.

Pedras no meu caminho? Guardo todas, um dia vou construir um eleitorado.

por Amílcar R.

June 21, 2013   13 notes
A melhor submissão até hoje:

Desde o México
Olá, rapaces!

Escrevo-lhes desde o México para partilhar-lhes um meme que eu fiz ontem á noite para troçar da minha própria situação.

A história:

Eu comecei a tomar aulas da sua lingua e é pela influência do meu professor -nascido mexicano mas crescido em Lisboa- e tantas outras coisas -como os Feromona, à serio- que eu tenho agora um profundo interesse no seu pais.

Por questões de trabalho eu deixei aquelas aulas; tristemente, a generalidade no México é o ensino do português brasileiro, então agora eu estou a continuar os meus estudos num centro cultural da embaixada do Brasil e, como é de esperar, cá quase tudo é cachaça, samba e futebol. Portugalidade nehuma. No salão eu fiquei como o gajo com sotaque português.

Se tudo vai bem nesta vida, eu viajarei para sua terra no novembro. E se tudo vai ainda melhor eu ficarei lá nalgum momento para estudar um mestrado.

Cumprimentos,

Josué

A melhor submissão até hoje:

Desde o México Olá, rapaces!

Escrevo-lhes desde o México para partilhar-lhes um meme que eu fiz ontem á noite para troçar da minha própria situação.

A história:

Eu comecei a tomar aulas da sua lingua e é pela influência do meu professor -nascido mexicano mas crescido em Lisboa- e tantas outras coisas -como os Feromona, à serio- que eu tenho agora um profundo interesse no seu pais.

Por questões de trabalho eu deixei aquelas aulas; tristemente, a generalidade no México é o ensino do português brasileiro, então agora eu estou a continuar os meus estudos num centro cultural da embaixada do Brasil e, como é de esperar, cá quase tudo é cachaça, samba e futebol. Portugalidade nehuma. No salão eu fiquei como o gajo com sotaque português.

Se tudo vai bem nesta vida, eu viajarei para sua terra no novembro. E se tudo vai ainda melhor eu ficarei lá nalgum momento para estudar um mestrado.

Cumprimentos,

Josué

June 18, 2013   5 notes
de Emanuel A.

de Emanuel A.

December 24, 2012   22 notes